Apresentação das Monografias 2019

Dias 28 e 29 de Outubro

* Campos obrigatórios.

Selecione as apresentações de seu interesse:

O que foi feito da Liberdade de Expressão durante o período da Ditadura Militar do Brasil de 1964? Análise do show “Opinião” (1964)

Aluno(a) | Ana Delfino Marques
Orientador(a) | Eliane Yambanis

Sinopse:

Em meio a tantas mudanças decretadas pelo golpe de 64, momento em que as censuras andavam soltas, onde estavam as artes e a liberdade de expressão? Outrora, como agora, ainda que muitas vozes tenham sido silenciadas, outras tantas cumprem o seu papel de anúncio e denúncia.

Dia 28/10 às 07h15

Mais que alimentação – A importância da alimentação vegetariana

Aluno(a) | Paola Eterovic Ramos
Orientador(a) | Ausonia Donato

Sinopse:

Este trabalho busca conscientizar as pessoas sobre a importância da alimentação vegetariana para saúde e para o meio ambiente. Além da intenção de entender melhor o que significa e de onde surgiram esses novos modos de se alimentar.

Dia 28/10 às 07h15

A psicopatia fora das câmeras

Aluno(a) | Isabela Mafra
Orientador(a) | Silvio Hotimsky

Sinopse:

A psicopatia é um assunto muito citado nas mais diversas fontes culturais, principalmente nos filmes. Este trabalho aprofunda conceitos estereotipados para melhor entender o que realmente é e como funciona a mente de um psicopata da vida real.

Dia 28/10 às 07h15

Ordem e Caos: Ritualizações da morte

Aluno(a) | Cecília Arnoni Consorte
Orientador(a) | Marlito de Sousa Lima

Sinopse:

A morte é uma questão que nunca some e que sempre esteve presente no nosso cotidiano. Comemorações e eventos que a celebram, como o Dia dos Mortos, são facilmente deixados de lado para dar visibilidade à morte melancólica. Outros, como o Carnaval, relacionam-se com a mesma a partir de seus caos e ordem, que também a compõem. Falar da morte é falar sobre a vida, afinal?.

Dia 28/10 às 07h15

Pantera Negra

Aluno(a) | Caike Tunis Tapie
Orientador(a) | Roosevelt Fujikawa

Sinopse:

A minha monografia é sobre o Pantera Negra e sua influência na história do cinema, dos quadrinhos e no mundo. Para aprofundamento, analisei a trilha sonora do filme e o álbum composto para tal, momentos históricos e grupos como o Black Panther Party (Partido dos Panteras Negras), e as vivências de Stan Lee para compor o personagem.

Dia 28/10 às 07h15

O alien americano

Aluno(a) | André Fulton Schimit
Orientador(a) | Iuri Pereira

Sinopse:

Todos sabemos que o Superman é o maior e o mais famoso herói dos quadrinhos, entretanto, como algo fictício como ele pode retratar um ideal ao redor do mundo por meio de suas histórias?

Dia 28/10 às 07h15

Vai Verão, Vem Verão: Retratos da sociedade brasileira por meio de anúncios de cerveja

Aluno(a) | João Antonio Araium Alves
Orientador(a) | Roosevelt Fujikawa

Sinopse:

A propaganda tem interesse em venda e também propaga uma ideologia. Durante décadas, mulheres de biquíni estamparam propagandas de cerveja que vendiam o corpo feminino sexualizado, ofuscando o produto real. Como e por que então os anúncios de cerveja no Brasil passaram do cúmulo do machismo e da cultura do estupro para novos símbolos da diversidade e inclusão social?

Dia 28/10 às 08h15

A cidade de São Paulo e a preservação do invisível e do concreto

Aluno(a) | Maria Clara Penã Barbosa Pereira
Orientador(a) | Ausonia Donato

Sinopse:

A partir da perspectiva fotográfica e do conceito de lugar antropológico, esta monografia propõe uma discussão sobre a cidade de São Paulo, norteada pelas concepções de memória e identidade.

Dia 28/10 às 08h15

Como o imaginário social e a mídia atuam como influenciadores na autoimagem corporal da mulher

Aluno(a) | Gabriela de Castro Onetto
Orientador(a) | Eliane Yambanis

Sinopse:

Uma análise sobre o Mito da Beleza, com base nos estudos de Virginia Woolf. Tem como finalidade compreender os mecanismos e processos do padrão estético como mais uma ferramenta opressora na sociedade atual. Baseando-se nesses princípios, quais caminhos tomar para uma melhor relação com o indivíduo, tendo em mente seu caráter multifacetado?

Dia 28/10 às 08h15

Kibutz: Entre a cidade e o campo, o que preenche essa lacuna?

Aluno(a) | Noa Pecora Cohen
Orientador(a) | Silvio Hotimsky

Sinopse:

Este trabalho explica fatores sociais e arquitetônicos do kibutz, um modelo de comunidade socialista sionista. Para contar os fatores sociais, serão relatados depoimentos de membros de segunda e da primeira geração que fizeram parte desse modelo social. E para contar os fatores arquitetônicos, será retratado o raciocínio de Richard Kaufmann, o arquiteto responsável pela tal configuração.

Dia 28/10 às 08h15

A adolescência como construção social dos Estados Unidos, na década de 1950, a partir de “O Apanhador no Campo de Centeio”

Aluno(a) | Maria Beatriz Guimarães da Gama
Orientador(a) | Iuri Pereira

Sinopse:

Entender a adolescência como um papel social de organização política, por meio de uma análise do livro “O Apanhador no Campo de Centeio”, levando em consideração o contexto histórico em que foi escrito, e a posição dos Estados Unidos naquele momento.

Dia 28/10 às 08h15

Multidão (In)corpórea

Aluno(a) | Ana Costanti Storino
Orientador(a) | Marlito de Sousa Lima

Sinopse:

Reflexão acerca do conceito de multidão como corpo da liberdade a partir de leituras de Espinosa, Marx, Benjamin, Heller e Byung-Chul Han. Assim, ao pensar no indivíduo revolucionário da Era Digital, surge a questão: É possível que a liberdade se constitua a partir da multidão incorpórea, barulhenta e anônima da mídia digital?

Dia 28/10 às 08h15

Os mecanismos de dominação utilizados pelos Estados Unidos em guerras

Aluno(a) | Ravi Nesteriuk Silva Gallo
Orientador(a) | Silvio Hotimsky

Sinopse:

Nesta monografia, você irá ler e aprender mais sobre os ciclos de combate dos Estados Unidos no Oriente Médio, os interesses por trás das guerras travadas, a opinião da população do Mundo Árabe e dos próprios estadunidenses em relação às políticas imperialistas dos EUA, e como e por que essas opiniões são formadas.

Dia 28/10 às 09h15

O ser, o estar e a arte

Aluno(a) | Beatriz Mafra Kohatsu
Orientador(a) | Ausonia Donato

Sinopse:

Uma análise de transtornos de personalidade e transtornos pós- traumáticos a partir do conceito de conatus e das definições de indivíduo e personalidades, buscando compreender como mecanismos de defesa podem se tornar prejudiciais, e a existência de gatilhos no cotidiano. E como em situações de tristeza, estresse ou até mesmo de doenças, a arte serve como auxílio.

Dia 28/10 às 09h15

O ilusionismo cinematográfico: A evolução dos efeitos especiais e como são feitos

Aluno(a) | Yara Cintra Mainieri
Orientador(a) | Roosevelt Fujikawa

Sinopse:

Como é possível algo que claramente não aconteceria na vida real? O que será que está por trás dos bastidores daquele seu filme favorito? O propósito da minha monografia é justamente explicar como é a magia da ilusão no mundo cinematográfico por meio dos efeitos especiais e sua trajetória com o passar do tempo.

Dia 28/10 às 09h15

Tema: Futebol feminino Questão: Por que não querem saber das mulheres do futebol feminino brasileiro?

Aluno(a) | Rodrigo Vaz Guimarães Mendonça
Orientador(a) | Eliane Yambanis

Sinopse:

Você sabia que por mais de 30 anos as mulheres no Brasil não podiam jogar futebol ou que a primeira mulher a treinar a seleção feminina ficou só 10 messes no cargo? E você também sabia que o futebol feminino brasileiro começou nos circos? Esta monografia se preocupa em analisar os motivos sócio-históricos para a falta de visibilidade do futebol feminino no Brasil.

Dia 28/10 às 09h15

Revolução Estética: Reinvenção da Roda Viva

Aluno(a) | Maria Piedade
Orientador(a) | Marlito de Sousa Lima

Sinopse:

Esta monografia tem como objetivo refletir sobre o processo de Revolução Política através da arte a partir do estudo da peça “Roda Viva”, do Teatro Oficina. Isso posto, pretende-se analisar sua montagem original (1968) e a mais recente (2018-19), de forma a propor uma discussão histórica, artística-política a respeito desses dois momentos no Brasil, com a interface do texto de Vladimir Safatle: “Revolução Política, Instauração Estética”.

Dia 28/10 às 09h15

O teatro brasileiro como espaço político: Pré e pós o golpe militar de 1964

Aluno(a) | Manuella Ení Di Freitas Ramos
Orientador(a) | Iuri Pereira

Sinopse:

O trabalho tem como objetivo iniciar uma reflexão sobre o papel político das obras teatrais brasileiras a partir da análise de duas peças: “Eles Não Usam Black Tie”, de 1958 (pré-Ditadura de 64), e “Bailei na Curva”, de 1983 (final da Ditadura).

Dia 28/10 às 09h15

A Inteligência Artificial conseguirá nos proteger da Inteligência Artificial?

Aluno(a) | Verônica Vicentini Ferreira
Orientador(a) | Roosevelt Fujikawa

Sinopse:

Inteligência Artificial (I.A.): O que é, como e quando se originou, seus avanços e, principalmente, seus efeitos na interação com as pessoas. A I.A. está presente de uma forma que ainda nem percebemos no nosso dia a dia, mas a interação com essas tecnologias já produz efeitos sobre o nosso comportamento. Qual será o futuro de nossa relação com a I.A.? Quais os riscos?

Dia 28/10 às 10h40

O Paradigma Científico do Normal e do Patológico: Outras formas de ação

Aluno(a) | Teresa Pralon Catelli
Orientador(a) | Marlito de Sousa Lima

Sinopse:

Apresentação de um panorama histórico das origens e do normal e do patológico na psicanálise e na ciência, datado desde o século XV até os dias de hoje. A partir desse panorama e de análise de Foucault, Canguilhem, Roza Garcia, Goffman e Bosch, é possível avaliar os métodos da ciência normativa ao lidar com o patológico e as formas alternativas existentes na saúde pública que contradizem esses métodos.

Dia 28/10 às 10h40

São Paulo: Artefato instável

Aluno(a) | Marina Cartum
Orientador(a) | Iuri Pereira

Sinopse:

Meu trabalho guarda em seu núcleo a tentativa de definição da cidade. A dificuldade que se seguiu foi disparadora: como descrevo um objeto de estudo que é espaço, pessoa, e ao mesmo tempo geografia; que carrega artefato, memória e também poesia.Para articular essas camadas de compreensão, optei por analisar uma paisagem da cidade paulista através do tempo, tentando capturar suas permanências e ausências.

Dia 28/10 às 10h40

População em situação de rua: Dos não lugares aos centros de acolhida

Aluno(a) | Lorena Utimura Latorre
Orientador(a) | Silvio Hotimsky

Sinopse:

A monografia discute, a partir das relações que os indivíduos e a socidade estabelecem com o espaço urbano, de que maneira os centros de acolhida reproduzem a estigmatização da população em situação de rua.

Dia 28/10 às 10h40

Histórias através do carnaval O que os ritmos nos contam ?

Aluno(a) | Bruno Ponciano Eduardo
Orientador(a) | Ausonia Donato

Sinopse:

Por meio de uma paixão pessoal, busco contar a história do Carnaval e suas transformações ao longo do tempo, chegando ao coração das escolas de samba, as baterias.

Dia 28/10 às 10h40

Resistência Drag: Conquistando seu espaço na sociedade

Aluno(a) | Daniela de Fatima Rauen Vianna
Orientador(a) | Ausonia Donato

Sinopse:

A monografia discute o movimento Drag, explora o seu enfrentamento contra preconceito impregnado na sociedade e tenta desmitificar o conceito de gênero binário, ou seja, que só existem dois gêneros, desconsiderando as diversas possibilidades. Surpresa no final.

Dia 28/10 às 11h40

Hélio Oiticica: A Morte da Pintura e A Transição ao Ambiental

Aluno(a) | João Sabbag Justo
Orientador(a) | Iuri Pereira

Sinopse:

E antes de voltar-se ao mundo, era necessário que Hélio passasse a expandir a fenda criada, o exercício incessante da pintura até seu esgotamento, o alargamento da fenda que foi possível a vista do labirinto no abismo do fundo do cartão. Hélio pinta até não existir mais possibilidades no quadro, e talvez, naturalmente com a morte da pintura, saiu da mesa do ateliê, levantou-se da cadeira, e foi direto à janela, acendeu um cigarro e viu o Rio de Janeiro, percebeu-se como parte daquilo, pode ser o chamado sentimento oceânico batendo na porta. A arte é separada das coisas? Fracionada em quartos brancos? Longe da vida, somente para entendedores? Aquela paisagem deveria ser bela.

Dia 28/10 às 11h40

Narrativas que a memória coa

Aluno(a) | Letícia Meirelles Ruocco
Orientador(a) | Silvio Hotimsky

Sinopse:

Quais são os fios que tecem as redes da memória? O tema da memória dialoga com os conceitos de identidade, linguagem, narrativa, ressentimento, esquecimento e com seu carater sócio-histórico.

Dia 28/10 às 11h40

Dentro da foto do buraco negro: Como esse feito contribuiu para a Astronomia e a Astrofísica?

Aluno(a) | João Antônio Rabello da Silva Prado
Orientador(a) | Roosevelt Fujikawa

Sinopse:

Buracos negros são alguns dos – se não o objeto menos compreendido pelo público em geral, sendo tratado como produto da ficção científica. E, recentemente, no dia 10 de abril de 2019, a primeira foto desses “monstros” foi revelada. Minha monografia busca explicá-los de uma maneira que todos entendam, e também mostrar como essa foto impactou o ramo das ciências do espaço, desmistificando esses misteriosos entes espaciais.

Dia 28/10 às 11h40

O imaginário político do povo brasileiro a respeito da Ditadura Militar de 1964, a posição da mídia e o elo com a conjuntura atual

Aluno(a) | Eduardo da Silva Ugarte Baltazar
Orientador(a) | Eliane Yambanis

Sinopse:

O presente trabalho de monografia objetiva abordar diferentes interpretações a respeito da Ditadura Militar Brasileira de 1964. A análise sobre o período da Ditadura Militar estará relacionada a conjuntura brasileira atual, intensamente conservadora, como também será analisado o comportamento da mídia e de segmentos da população brasileira, inicialmente apresentando seus posicionamentos a respeito de 1964 e hoje em dia.

Dia 28/10 às 11h40

A Segregação na Juventude: uma análise sobre a padronização de adolescentes em escolas

Aluno(a) | Ana Luisa Caroba de Lamare
Orientador(a) | Ausonia Donato

Sinopse:

A partir de dois campos (Colégio Equipe e Colégio Marista Arquidiocesano), o objetivo é analisar a formação dos grupos sociais ao adolescer, refletindo sobre as diferenças que separam os jovens, mas evidenciando as semelhanças que os unem.

Dia 29/10 às 07h15

Como a pornografia desviante não vicia? Dado que ela usa do mesmo meio de divulgação da pornografia industrial

Aluno(a) | Júlia Pontes Brasileiro e Silva
Orientador(a) | Silvio Hotimsky

Sinopse:

Esta monografia trabalha com o conceito de massa definido por Freud, para entender o movimento de massa que é a indústria da pornografia no Brasil. A partir daí, conhecemos a pornografia que se desvia da tradicional: a pornografia desviante, sobre a qual pretendo falar bastante nesta apresentação, assim como refletir sobre o nosso imaginário sexual.

Dia 29/10 às 07h15

O método científico na História: Por que não existe uma narrativa histórica imparcial?

Aluno(a) | Théo Cardoso Teixeira de Carvalho
Orientador(a) | Eliane Yambanis

Sinopse:

O trabalho busca responder à questão-problema por meio do estudo de dois pensadores da Escola dos Annales, que constroem um método revolucionário da historiografia: Marc Bloch e Fernand Braudel. Será feita uma contextualização analítica que abordará a origem do método científico e passará por momentos históricos que dão início à gestação da História Métodica. Contará as características presentes na História ao passar do tempo, mostrando desde os pensadores iluministas, tentando elevar a condição da História como ciência, passando pelo positivismo histórico, até chegar na Escola dos Annales.

Dia 29/10 às 07h15

“A Virgem em Lamentação, São João e as Pias Mulheres da Galileia”, de Hans Memling

Aluno(a) | Hanna Kilsztajn
Orientador(a) | Iuri Pereira

Sinopse:

A monografia parte do estudo da arte cristã no Ocidente para analisar o período gótico e, mais especificamente, a obra do pintor flamengo Hans Memling, “A Virgem em Lamentação”. Apresenta também cinco releituras da pintura em análise.

Dia 29/10 às 07h15

Qual será o futuro do grafeno? Análise de viabilização industrial do “material maravilha”

Aluno(a) | Guilherme Yudi Segatelli Tanabe
Orientador(a) | Roosevelt Fujikawa

Sinopse:

Conhecido como o “material maravilha”, o grafeno é mais resistente que o diamante e com mais condutividade elétrica que o silício e seus derivados, que mesmo assim consegue manter uma espessura nanométrica e uma elasticidade de 20%. Algumas aplicações podem variar, desde simples reforços em peças de veículos até celulares que podem ser enrolados como pulseiras. Mas ainda assim há um grande obstáculo para sua aplicação: será possível industrializar e massificar um material tão inovador?

Dia 29/10 às 07h15

Inteligência Artificial – Quais são os métodos atuais em análise de dados utilizando redes neurais no campo de aprendizagem de máquina e aprendizagem profunda?

Aluno(a) | Raphael Marinho da Palma
Orientador(a) | Roosevelt Fujikawa

Sinopse:

Inteligência Artificial está entre as tecnologias modernas mais influentes para a humanidade, revolucionando a forma como utilizamos dados para resolver problemas cotidianos. Nesta monografia, eu procuro contextualizar aprendizagem de máquina, fazendo um estudo matemático e prático de uma ferramenta poderosa chamada de “rede neural”, que possibilita computadores a “aprenderem”, procurando esclarecer como um computador consegue “aprender”, e, afinal, o que significa a inteligência da I.A. Eu comento diversas aplicações modernas da I.A., mostrando de modo prático a base de como funciona, quais são as limitações dessas tecnologias; e no decorrer da monografia, discuto problemas éticos relacionados à I.A.

Dia 29/10 às 08h15

Periscópios às avessas: Uma viagem onírica através de despedidas

Aluno(a) | Pedro Zatz Halaban
Orientador(a) | Silvio Hotimsky

Sinopse:

A partir das leituras de “Jung e a interpretação dos sonhos”, da “Revisão da teoria do sonho” e de parte do “Homem e os seus símbolos”, é realizada a análise de alguns sonhos, tendo em vista e trabalhando alguns conceitos provenientes dessas leituras, além da experiência no mundo vígil por parte do sonhador.

Dia 29/10 às 08h15

Indústria musical coreana: como se produz um idol

Aluno(a) | Mariana Godau Biasoto
Orientador(a) | Eliane Yambanis

Sinopse:

A indústria coreana de música passou a ser um grande tópico nos últimos anos. Com isso, muitos assuntos foram trazidos à tona, como os suicídio de alguns ídolos e a exaustão de outros. O assunto da perfeição virou tema de muitos fãs e de muitos artigos, e junto veio a discussão sobre os abusos feitos pelas empresas, grandes e pequenas, em relação aos artistas. Nesta monografia, procuro ter mais conhecimento sobre os porquês de existir tantas empresas de música que levam seus ídolos ao limite em relação aos ensaios e trabalho; ídolos como o grupo Ateez passam 24 horas por dia ensaiando apenas uma coreografia, para que ela possa ficar perfeita.

Dia 29/10 às 08h15

O Desencantamento do Racional: A produção pós-moderna da irracionalidade

Aluno(a) | Francisco Bergamin Rodrigues
Orientador(a) | Marlito de Sousa Lima

Sinopse:

A pesquisa pretende apresentar o conceito da “irracionalidade”, fator presente no pensamento e práticas cotidianos da sociedade pós- moderna, como consequência direta do racionalismo. A negação do sistema cientificista por meio de práticas esotéricas reflete um processo de desencantamento do sujeito, que se encontra, hoje, acentuado pelo fenômeno das redes e mídias sociais.

Dia 29/10 às 08h15

Chiquinha Gonzaga e a música popular brasileira no fim do século XIX

Aluno(a) | Alice Marques Van Acker
Orientador(a) | Iuri Pereira

Sinopse:

O processo de formação do choro brasileiro por meio do estudo biográfico e da obra de Chiquinha Gonzaga.

Dia 29/10 às 08h15

Mídia e Conceito de Raça: Como a mídia contribui para a preservação do conceito de raça, a partir da narrativa de “Infiltrado na Klan” (2018)

Aluno(a) | Luna Birelli Vicente e Souza
Orientador(a) | Silvio Hotimsky

Sinopse:

A monografia visa estudar a legitimação e a preservação do conceito de raça, abordando campos científicos, religiosos e culturais, buscando compreender o papel da mídia na transmissão desse conceito, a partir da narrativa midiática utilizada por Spike Lee em seu filme de 2018, “Infiltrado na Klan”.

Dia 29/10 às 09h15

DDisciplina, controle e punição: Pilares da formação do cárcere

Aluno(a) | Maria Guilhermina Dantas dos Santos Silva
Orientador(a) | Marlito de Sousa Lima

Sinopse:

A partir da visão marxista e foucaultiana, buscamos compreender o sistema carcerário brasileiro, com o objetivo de ressaltar os mecanismos de reprodução da violência do Estado, legitimado pela expectativa de punição ao transgressor, exigida pelo sistema de produção (Marx) e introjetada nos indivíduos (Foucault), gerando um dispositivo de violência e não de ressocialização.

Dia 29/10 às 09h15

Análise do Musée Barrois: Um estudo sociomuseológico baseado nos conceitos de Memória e História

Aluno(a) | Luara de Souza Ferreira Assumpção
Orientador(a) | Eliane Yambanis

Sinopse:

Com base em experiências pessoais, textos acadêmicos e trabalhos de campo, esta monografia analisa o Musée Barrois, localizado na cidade de Bar le Duc, França. O estudo é desenvolvido a partir de três conceitos norteadores: Sociomuseologia, Memória e História, articulando o debate sobre a relação e a importância dessa instituição museológica no contexto onde está inserida.

Dia 29/10 às 09h15

“A mídia jornalística: Fundamentos e Impactos” “As multifacetas do material de informação”

Aluno(a) | Iris Rocha Castanho
Orientador(a) | Iuri Pereira

Sinopse:

Minha monografia é uma análise do jornalismo, suas éticas, regulamentações e mudanças em sua forma. O foco é direcionado ao jornal e seu histórico, através do período de surgimento da Aids no Brasil.

Dia 29/10 às 09h15

Como a presença dos humanos no planeta Terra interfere na evolução e nos hábitos dos animais

Aluno(a) | Fernanda Patricio Viscardi
Orientador(a) | Roosevelt Fujikawa

Sinopse:

Usando a Indústria Pet como exemplo, irei mostrar as doenças específicas de cada raça canina e como isso evidencia a sensação de superioridade do humano para com as outras espécies.

Dia 29/10 às 09h15

Ondas eletromagnéticas e transmissão de informação

Aluno(a) | Lorenzo Caiubi Maiorino Zelada
Orientador(a) | Roosevelt Fujikawa

Sinopse:

Um estudo sobre as ondas eletromagnéticas e o uso para a transmissão de informações, com o objetivo de explicar os princípios essenciais do assunto com simplicidade.

Dia 29/10 às 10h40

Sem arte, morre-se de realidade: A arte como expressão dos conflitos internos e reabilitação mental do indivíduo

Aluno(a) | Lis Gutierrez De Biasi
Orientador(a) | Ausonia Donato

Sinopse:

No meio de tanta tortura, abuso e angústia, os “loucos” encontram um caminho de expressão de seus sofrimentos internos e de reinserção social através de suas artes. Nise da Silveira enxergou a riqueza de seres humanos que estavam no meio do existir e da dignidade. No meio entre a loucura e a exclusão total. Entre o aceitável e o abominável. Um trabalho sobre como a arte cura. Salva, entrelaça, encaixa. É através da arte que comunicamos o incomunicável. Arte liberta.

Dia 29/10 às 10h40

Separatismo Catalão

Aluno(a) | Marc Aliau Cipriano
Orientador(a) | Eliane Yambanis

Sinopse:

A monografia aborda a questão separatista da Catalunha, dando uma breve introdução histórica, e aborda, ainda, o panorama político atual.

Dia 29/10 às 10h40

O ser, o psíquico e o somático

Aluno(a) | Thaís Ayumi Maezato
Orientador(a) | Silvio Hotimsky

Sinopse:

A psicossomática é uma área interdisciplinar entre a Medicina e a Psicanálise, que trata do psíquico (psicológico) e do somático (corpo); os efeitos psicológicos no corpo. Este é o tema que será abordado e discutido nesta monografia, sendo relacionado com os conceitos de saúde, afeto e adolescência.

Dia 29/10 às 10h40

O que há por trás desta parede? Analisando e representando as músicas do álbum “The Wall” em um meio visual

Aluno(a) | Júlia Uchôa Lima
Orientador(a) | Iuri Pereira

Sinopse:

O trabalho consiste em uma análise lírica e musical de 13 canções do álbum “The Wall”, da banda britânica Pink Floyd, e em uma interpretação, feita visualmente por meio de ilustrações, dessas canções.

Dia 29/10 às 10h40

A falta dos orgasmos femininos

Aluno(a) | Laura Dorgan Menezes
Orientador(a) | Silvio Hotimsky

Sinopse:

A partir de um breve estudo sobre os corpos ao longo da História, busco entender como a falta do orgasmo sexual feminino é um reflexo da sua ausência no mundo. Mulheres não são pensadas, colocadas e tratadas como pessoas durante séculos e, por conta disso, não são ensinadas a agirem por si mesmas; dessa forma, de uma maneira inconsciente, desacreditam de suas potências e desistem de achar os orgasmos da vida.

Dia 29/10 às 11h40

“O Senhor dos Anéis” como uma pseudoautobiografia de J.R.R. Tolkien

Aluno(a) | Max Levin
Orientador(a) | Iuri Pereira

Sinopse:

De que maneira, levando em conta principalmente a visão ambientalista, serviço militar e devoção religiosa do autor, a vida de Tolkien ecoa em seu universo fantástico?

Dia 29/10 às 11h40

Meninas paulistanas e virgindade: Um olhar para as questões sociais e religiosas na atualidade

Aluno(a) | Isadora Grimm Zamboni
Orientador(a) | Marlito de Sousa Lima

Sinopse:

Partindo do conceito distinto da virgindade para meninas e meninos, nesta monografia será discutido como a concepção feminina sobre a virgindade está ligada a atos cerimoniais religiosos, repressões e normatizações sociais, criando um questionamento sobre como isso influencia no cotidiano e nas relações atuais das meninas paulistanas.

Dia 29/10 às 11h40

Super-heróis e Câncer

Aluno(a) | Clarice Arbache Romero
Orientador(a) | Roosevelt Fujikawa

Sinopse:

Esta monografia pretende analisar o futuro da engenharia genética, e como ela pode mudar nossas vidas, tanto para melhor quanto para pior.

Dia 29/10 às 11h40

A escrita literária e o fazer matemático: possibilidades de intersecção

Aluno(a) | Beatriz Galluzzi Ferreira
Orientador(a) | Ausonia Donato

Sinopse:

Partindo de uma inquietação pessoal e com o intuito de compartilhá-la, este trabalho tem como objetivo traçar um paralelo entre dois gestos – ou processos – não comumente relacionados: a escrita, especialmente a literária, e o exercício da matemática.

Dia 29/10 às 11h40